Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

Viagens em Família - Paris (parte 1 - transportes)

28.10.16 | Claudia Borralho

Tinhamos uns dias de férias para o início de outubro (viva o feriado!!!) e resolvemos fazer mais uma das nossas super viagens em família.

Comecei a procurar voos para Londres, mas era tudo muito caro :( Nisto o Gabriel pergunta. Vamos a Paris??? Hummm que óptima ideia!

Mudei o destino da pesquisa e os voos eram muito mais em conta para Paris. Cerca de 300€ para todos (e sim até a Laura já paga bilhete) Compra já, compra já!!!

Bolas, a meio da transação aquilo foi tudo abaixo. Voltei a pesquisar em modo anónimo a a viagem já estava uns €100 mais cara, mas mesmo assim valia a pena! Comprado! Ao mesmo tempo já o pai andava no booking à procura de alojamento. Arranjamos um que parecia jeitoso e não muito caro. Teriamos de ficar em dois quartos mas não havia problema. 

Estava feito, agora só faltava planear :)

 

Transportes

Experimentamos as novas tarifas lowcost da TAP e correu tudo 5 estrelas! Pelo meio da pesquisa dos voos* ainda tive uma opção de um dos voos ser pela Ryanair, mas a diferença de valor era mínima e a Ryanair vai para um aeroporto longíssimo que nem sequer parece ter opção de transportes da RER (a empresa de transportes em Paris). Tivemos sempre direito a manga tanto nas partidas como nas chegadas e levamos sempre a Laura no carrinho até à porta do avião. Em Paris só não entregam o carrinho no avião e tivemos de ir buscá-lo às bagagens de outro formato.

20161001_084401

 

O nosso avião ia para o aeroporto de Orly, aí as opções de transportes são o Shuttle Orlyval e o Orlybus. O Orlybus é bem mais barato :)

A melhor forma de nos movimentarmos em Paris é pela rede de metro e comboios. Com o mesmo bilhete andamos em todos os transportes, metro, comboios e autocarros.

Estes bilhetes custam cada um €1,90 (adulto, também existem para criança), mas podem ser comprados em cadernetas de 10 por €14,50, contudo só funcionam mesmo para a zona de Paris (até ao máximo de 5 zonas). Tanto os aeroportos como a disney já ficam fora deste círculo.

Existe um passe para visitantes o Paris Visite mas fica um pouco caro. Com este passe podemos andar em todos os transportes de Paris inclusive o autocarro ou shuttle do aeroporto e ainda os comboios para a disneyland (também fomos à disney!!!). O Paris Visite existe para adulto e criança e para diversos dias e começa a contar a partir do dia em que é usado pela primeira vez.

Finalmente descobri o passe Navigo Decouverte. É um passe semanal de seg a dom, também dá para todos os transportes inclusive aeroporto e disney e é muito mais barato. Infelizmente não tem a opção infantil.

Fiz muitas contas de acordo como o que estavamos a planear visitar :) E por fim optamos por comprar à chegada ao aeroporto dois bilhetes de adulto para o Orlybus e dois bilhetes Paris Visite 5 dias para criança. Em Paris as crianças até aos 3 anos não pagam transportes :) Ao chegar a Denfert Rochereau (onde termina o Orlybus) compramos na estação os bilhetes de metro de adulto que iriamos precisar para o fim de semana e ainda dois Navigo Decouverte para usarmos a partir de segunda (não era possível comprar estes bilhetes e passes no aeroporto - no entanto se estiverem de regresso a Paris é possível recarregar os cartões Navigo no aeroporto).

Utilizamos ainda mais outro meio de transporte em Paris - o barco! Mas sobre isso falamos na próxima parte.

20161001_145927

 

Aqui têm um super mapa dos transportes de Paris com índice das estações de metro e tudo :) Usei-o imenso para programar os nossos passeios.

Uma super ajuda para as movimentações foi esta app - Next Stop Paris - é só colocar onde queremos ir e dá-nos o percurso mais rápido pelos transportes. É possível fazer download do mapa de Paris e a app funciona na totalidade em modo offline. Caso optem por não fazer download do mapa ela continua a funcionar offline mas apenas com acesso ás estações de metro e principais locais turísticos. Existe para Android e Iphone.

 

* Pesquisei os voos em diferentes sites, mas acabei por comprar na edreams

 

PS. É possível comprar alguns destes bilhetes online, mas curiosamente online ficam mais caros, daí ter optado por comprar tudo no destino.

 

A seguir: Andar de barco no Sena e a Torre Eiffel

 

 

Comentar:

Mais

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.