Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

o plástico é mau?

13.06.18 | Claudia Borralho

Os plásticos são uma invenção maravilhosa e fariam muita falta se desaparecessem,e é maravilhoso todo o trabalho desenvolvido em criar plásticos a partir de fontes biodegradáveis como o milho e outras fontes vegetais.

 

Mas são um pouco como as animações na web ou as gulodices que comemos - precisam ter muita conta, peso e medida (tal como o papel* e muitos outros materiais). Lá por os podermos fazer e usar não precisa e não deve ser para tudo e a toda a hora. É um poder, e os poderes devem ser usados com contenção.


É essa a contenção que temos de aprender. Têm de aprender as empresas quando embrulham os seus produtos em três camadas de plástico e papel, têm de aprender os produtores e supermercados quando insistem em embrulhar frutas e vegetais e temos de aprender nós consumidores para não trazermos um saco para cada peça de fruta e embrulharmos o nosso lixo em vários sacos. Menos descartável e mais reutilizável.

 

Pensar que depois se recicla é redutor e preguiçoso. Primeiro reduzir! Depois reutilizar. Idealmente pouco sobraria para reciclar.

 

reduce-reuse-recycle.jpg

 Imagem daqui https://www.eartheclipse.com

 

*Dá-me sempre uma moinha má de cada vez que recebo mais uma factura em papel, mais um papelucho a dizer que depositei uma quantia no banco, mais um voucher digital com a indicação que devo entregar o dito em papel, porque não darem a opção de documentos digitais? Se verdadeiramente houver a necessidade de existir o papel então sim, imprimam. Sabiam que o papel não pode ser reciclado para sempre? É um processo com um fim, eventualmente chega um ponto em que já não é possível reciclar.

After being recycled five to seven times, the fibers become too short to make new paper and will need to be mixed with virgin fibers, according to the EPA. Ever heard that paper has “seven generations”? That phrase refers to how many times paper can be recycled before its fibers become too short.