Saltar para: Post [1], Pesquisa e Arquivos [2]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

dias 13,14,15 do ciclo (29 a 31/07/2006)

31.07.06 | Claudia Borralho
Sem paciência para o ciclódiário 36,3º no sábado, 36,1º no domingo (o tiago chamou-me drácula e duas horas de sono mais tarde tinha 36,7º e estava cheia de calor), 36,3º hoje.
Eu achava que ia ovular antes do dia 15, mas pela temperatura ainda não vi(mos) nada. Os mucos têm andado mais pró creme, às vezes watery com o calor e notei um pouco de clara de ovo no sábado. De resto sinto-me até bastante sequinha.
O esperma do moço teima em escorrer-me pelo rabo abaixo, embora não tanto como da outra vez há uns dias atrás.
Não nos temos esquecido de treinar, mas andamos cansados e não queremos fazer disto uma obrigação.
Eu encontro-me dividida entre o fazer o mais e melhor possível e me sentir um pouco escrava desta condição.
Hoje estou um pouco de mau humor com isto. O que vale é que lá me vou convencendo que não havemos de engravidar assim tão facilmente e vou mascarando as vãs esperanças de engravidar acrescentando sempre que posso que o melhor é adoptarmos, pode parecer estranho, mas quanto menos ansiedade para o meu lado melhor, até porque o outro lado não tem corpinho para perceber nadica di nada e diz ele que está na desportiva (mas a desportiva não é fazer o melhor para ganhar e ficar um pouco triste quando não se chega lá?). Eu não percebo, a sério que não percebo.