Saltar para: Post [1], Comentar [2], Pesquisa e Arquivos [3]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

5 meses de Gabriel

25.09.07 | Claudia Borralho
O teu desenvolvimento visual e motor é fascinante. Agora olhas, percebes o que queres e vais lá tentar agarrá-lo! Ponho-te a chucha para que acalmes a actividade e adormeças e tu primeiro parece que vais adormecer, mas depois pegas na chucha com dois dedos e ficas a olhar para ela, como que a pensar: que raio é isto que me enfiam na boca e eu gosto tanto?
Às vezes é um fartote de rir, estás na espreguiçadeira e se pego nas fitas para te arrastar para outro lado, tu esticas logo os bracinhos para agarrar as fitas.
Quando estás no chão, viras-te em menos de um segundo e tentas chegar ao brinquedo que mais queres. Quase sempre tentas agarrar um que seja azul, adoras o wiggly da imaginarium e a bola maluca do benfica (que não é azul, mas tu adoras na mesma).

Falta um bocadinho assim

No outro dia desatas-te a gargalhar enquanto te dava a sopa. Filhote, eu percebo que seja divertido, mas meu malandreco eu preciso é que tu feches a boca e engules a sopa e não que te desmanches a rir!!!
Gostas mais de papa, mas comes a sopa com igual gosto. Vais abrindo a boca cada vez que vês a colher, depois chega o limite e cerras a boquita. Aqui não entra mais :)

primeira sopa

Também não estranhaste a creche, ficas lá feliz e risonho para as educadoras e auxiliares, até quando te trocam a fralda dás gargalhadas e ainda só uma vez é que te encontramos a chorar. Dormir é que não é lá muito contigo, há tanta coisa para ver não é bebé?

Não me parece que tenhas sentido falta da maminha nestes dias, mas já reparei uma vez ou outra virares a cabeça e abrires a boca toda à procura da mamoca. Não te preocupes bebé, que vais ter a tua mamoca de volta.

A forma de comunicação também mudou. Durante as férias já tinhas começado a dar uns guinchinhos de satisfação. Agora é guinchadeira para tudo :)
Outra muito gira é que tiveste uma noite de locomoção nocturna. Só adormeceste todo virado para a esquerda, fomos dar contigo quase a dormir de barriga para baixo. Conta a avó M que a certa altura levantaste a cabeça e os braços, sempre a dormir, e lá te viraste para a direita de barriga para cima.
De manhã ainda adormeceste todo viradinho para a esquerda e depois, pufff, nunca mais voltou a acontecer outra vez ;)

Comentar:

CorretorEmoji

Se preenchido, o e-mail é usado apenas para notificação de respostas.

Este blog optou por gravar os IPs de quem comenta os seus posts.