Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

forma e função

16.08.11 | Claudia Borralho

Forma e função são os dois pratos da balança de todo e qualquer designer. De roupa, de equipamento, de interiores, graficos, web, todos eles tentam equilibrar estes dois pratos.

Já conheci designers cuja balança pendia um bocadinho mais para a forma (o bonito vá). Não descurando a função, a verdade é que viam o seu trabalho duma forma mais artística e ficavam super ofendidos com alguma pequena alteração. O trabalho deles não podia ser "violado".

Sempre considerei estes designers um pouco imaturos, sei que com a experiência aprendem a largar-se um pouco mais dos seus trabalhos e não vivê-los tanto como extensões da sua arte.

O meu prato sempre pendeu mais para a função, na verdade a arte no geral não me fascina, sempre gostei mais de coisas com utilidade prática (e sim, eu sei que a arte também tem a sua utilidade, no quebrar barreiras, convenções, fazer-nos pensar, mexer com as emoções... não vale a pena atacarem-me por aqui). Toda a vida me irritaram as plantas e flores da minha mãe, aquela selva como lhes chamava e quando me deu para a veia agrícola semeei salsa, coentros e feijões. No meu trabalho de design igual, acabava por preferir uma coisa mais feinha mas funcional a algo muito bonito e difícil de usar.

De tal forma que há uns anos atrás até lia com atenção as coisas deste senhor. Radicalissimo na altura, chegou a dizer que todos os sites deviam ser com fundo branco e todos os links sublinhados e no default azul (e pelos visto não mudou muito... pelo aspecto do site).

Era super funcional não acham? Uma web em que não haveria margem para enganos, todos os fundos da mesma cor, todos os links sublinhados e sempre na mesma cor, os botões sempre iguais. Um pouco como os sinais de trânsito. Mas um pouco aborrecido e não muito bonito...

Também já me deparei com designers cujo prato pende um bocadinho demais para a função. Lamento, mas se apenas vão pensar na funcionalidade isso não é design. O mundo não é feito apenas de duas cores, nem o vermelho significa sempre proibido e o verde avançar, há toda uma variedade de significados e culturas que tornam o mundo a maravilha que é.

Forma e função em equilíbrio, é esse o objectivo.

vem aí mais um codebits

08.08.11 | Claudia Borralho

E eu tenho uma janelinha aberta com o site e um botão "submit your talk" a sorrir para mim. Idiota como só há eu apetece-me mesmo ir lá carregar e falar de coisas que aprendi neste último ano. Não sou propriamente grande expert naquilo, mas já experimentei umas coisas e bolas como eu gosto de fazer apresentações...

Mas também tenho um montinho de encomendas e a colecção de roupa de inverno principiada... e o tempo para preparar a talk... ai ai para onde me viro?

Submit talk ou não submit talk?

 

update: carreguei no botão... Media queries - um HTML um milhão de layouts

a cozinha - update!

07.08.11 | Claudia Borralho

Não tinha colocado lavatório na mini cozinha porque não tenho uma serra apropriada para abrir o buraco. Oras o marido pergunta-me se quero que ele lá coloque um lavatório. E como fazes o buraco? Com a serra craneana. Mas assim fica um buraquinho pequeno.

Mas fiquei a pensar naquilo. E se fizesse muitos buracos com a serra craneana? Não...ia ficar muito esquisito. Pera lá. E se eu fizer muitos buraquinhos com a broca de madeira? Decidi-me e fui fazer mais umas compras.
Sabia exactamente o que queria utilizar para lavatório - uma gamela em metal da gata beber água. A que tinha lá em casa era perfeita, por isso voltei à mesma loja (Babou) à procura de uma segunda. Já só tinham maiores, comprei na mesma. Ou usava a nova maior ou trocava com a da gata que tinha a dimensão perfeita. Também lá descobri uma mini tábua de corte, deliciosa, parecia mesmo, mesmo de brincar e não lhe resisti.

Vamos a contas: a gamela nova foi €2,99 (mas acabei por usar a que já tinha que tinha custado €2,49) e a mini tábua €1,69.

 

A nova gamela/lavatório também lá cabia, mas era mesmo à justa e iria ter que abrir um buraco enorme. Optei por usar a da gata :) Bem lavadinha e polida com o esfregão de aço ficou como nova.

Medi o circulo que precisava fazer e fiz as marcações, mais os semi-circulos onde iria encaixar o doseador/torneira. Depois peguei no berbequim e comecei a fazer buracos.

 

 

 

Passei a grosa pelo buraco e lixei para sairem as farpas.

 

 

 

 

 

Os buraquinhos para encaixar a torneira sairam um bocadinho fora do risco, ainda pensei disfarçar aquilo com pasta de madeira, mas quero que se possa pôr e tirar o doseador/torneira para encher de água por isso deixei assim.

 

Aqui dá para ver o formato do doseador que permitiu fazer o encaixe na madeira.

 

Linda a tábua de cortar minuscula, não é?

 

E desta torneira até sai água! :)

 

Com o circulo de madeira que sobrou fiz um relógio para colocar na lateral da cozinha.

 

 

Ficou fantástica!

Alguém é servido dumas perninhas de frango?

 

 

E o mais importante, os miúdos A-DO-RA-RAM! Mesmo. Ontem à noite tive mesmo o resultado mais esperado, a Oriana ali entretida enquanto eu tratava do jantar! Yeah!

 

 

 

 

 

Nota: os links para o Aki são meramente exemplificativos.

a cozinha

05.08.11 | Claudia Borralho

Já há muito que namorava cozinhas de brincar, em particular aquelas de madeira, com portinhas e armários e torneira e tudo :)

Claro que essas são super caras!

 

Também adoro a cozinha de brincar do IKEA mais todos os seus mini acessórios, mas só a parte de baixo da cozinha são logo €76,77! Ouch!

 

Claro que há por aí imensos pais inspirados a criarem as suas próprias mini cozinhas de sonho. Uma das soluções mais em conta parte de aproveitar esta mesa de cabeceira do IKEA:

RAST - €10,24

 

 

Muito pensei e acabei por decidir-me, até porque a miúda dá comigo em doida a abrir todas as gavetas e armários da cozinha enquanto eu tento fazer o jantar. Pode ser que assim brinque com as coisinhas dela(es).

 

Esta é a nossa novissima mini cozinha:

 

Tentei usar coisas que já lá tinha em casa e outras fui procurar nas Oportunidades do IKEA. Uma mini cozinha, de madeira, feita pela mamã por cerca de €20,00! Oh Yeah!

Comprei a Rast (10,24) e uma calha Bygel (1,99). Utensilios de cozinha na secção de cozinhas (1,02), um tacho (1,00), caixas de plástico (0,60) e doseador (0,50) nas Oportunidades. Mais um jarrinho em promoção (0,49) e o restante já lá tinha em casa - caixa com divisórias (1,53), prateleira Gorm (3,06), tecido de casinhas (1,99/m) (usei 40cm) e ganchos bygel (0,99).

 

Montei a mesa, pus a prateleira de metal e os ganchos de lado, com umas marteladas para não sairem facilmente. À frente preguei a calha e por cima pintei uns círculos para parecer o fogão. Fiz a cortinazinha e ainda estava a considerar fazer mesmo uma torneira com o doseador, mas ia dar super trabalho e na volta arrancavam-no em três tempos, optei por deixar só lá o doseador. E voilá, mini cozinha pronta a ser brincada!