Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

a vidinha como ela é

(e uma mãe que mete a mão em tudo) por Claudia Borralho

Bacalhau especial da claudia

25.01.08 | Claudia Borralho
Altamente calórico e delicioso, não é adequado a dietas ;)

Preparar tudo como se estivessemos a fazer bacalhau com natas. Cozer o bacalhau e desfiá-lo.
Numa frigideira colocar cebolas e azeite. Cozinhar até ficarem molinhas, adiciona-se cenoura ralada e ovo cozido cortado aos bocadinhos. Quando a cenoura já estiver molinha também, junta-se o bacalhau desfiado.
Num pirex fazer uma cama de batata palha ou puré de batata (versões diferentes e igualmente deliciosas). A seguir colocar a mistura de bacalhau e novamente batata por cima.
Regar generosamente com natas e terminar com uma camada de molho bechamel.
Vai ao forno até ficar tostadinho.

9 meses

25.01.08 | Claudia Borralho
Há quem diga 9 meses cá dentro e 9 meses cá fora.
9 meses puto! Já passaram 9 meses!



Só queres estar de pé bem esticadinho e se calha encostares-te ao pufe de verga, ele escorrega e tu lá vais dando uns passinhos. Mas ainda não andas agarrado nem nada disso, eu bem tentei pôr o comando na outra ponta do sofá a ver se tu lá ias :)
Uns meses depois de nasceres começaram a dizer que estavas a ficar parecido com o teu pai, eu torcia o nariz e continuava na minha, tu és é parecido comigo :) a carinha da mãe!
Há 9 meses e um dia estavas muito inquieto, pulos e mais pulos e murros e pontapés e cabeçadas dentro da minha barriga.
Até que eu acordei e soube que estavam a rebentar as águas.

Há 9 meses e um dia estavamos assim:


És imparável, trocar-te a fralda e vestir-te são tarefas cada vez mais complicadas. Brinquedos na mão acalmam-te qb, mas já me começo a habituar a trocar-te a fralda contigo de gatas (o gajinho vira-se o que é que eu hei-de fazer?).
As coisas mais ouvidas lá em casa são: está quieto! pára um bocadinho. aí não!!! NÃO gabriel, NÃO se mexe aí!!!

Com mês e meio já te mexias assim:


Na creche ganhas galos todos os dias. És impossível ;) não há nenhum menino como tu. E as auxiliares até têm um certo medo de te trocar a fralda. É preciso ter 100 olhos para tomar conta de ti.

E a cada dia que passa amo-te mais um bocadinho.

anda difícil para comer

24.01.08 | Claudia Borralho


Poderia dizer que é falta de apetite (se desistir e ele não comer nada deixa-se estar assim sem reclamar até à noite), ou que são os genes da mãe a saltar cá para fora, mas começo a achar que está traumatizado com alguma comida muito má que eu lhe tenha dado.
Na creche continua a comer muito bem e as auxiliares nem se têm queixado.
Em casa assim que vê a colher da sopa cerra a boquita, dá safanões com as mãos e gira a cabeça dum lado ao outro.
A sopa vai parar onde calha, na testa, no chão, nas pernas, nos braços, dentro do nariz e ocasionalmente lá acerta na boca. Depois duma série de tentativas destas ele parece resignar-se e come sem estrebuchar uma data de colheradas.
Depois volta a fartar-se e voltamos ao mesmo.

No fim (seja por ter comido quase tudo ou por desistência dos pais) faz o sorriso do costume por a refeição ter terminado.