Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Claudia Borralho

A VIDINHA COMO ELA É (e uma mãe que mete a mão em tudo)

Claudia Borralho

A VIDINHA COMO ELA É (e uma mãe que mete a mão em tudo)

sore hips

Hip pain is a common complaint in pregnancy although it is not widely researched. It is often grouped together with pelvic pain as a whole. It is often a problem at night in bed and makes sleeping difficult.

During pregnancy the body releases hormones which relax the ligaments that support your joints. This happens virtually from conception as Nature's way of preparing the body for labour. The extra movement this allows around the pelvis is helpful for giving birth. However, it can lead to some discomfort earlier in pregnancy which may get worse as you increase in size and weight.

There are a number of simple remedies which you can try for yourself which may be helpful. It is important to adopt a sleeping posture in which all the joints around the pelvis and hips are well supported. This would mean sleeping on your side with both legs bent and a pillow between the knees* supporting the whole length of your leg. A pillow under your bump is also needed to stop you rolling forward. Putting an extra layer of padding, such as a sleeping bag or quilt, under your bottom sheet can also improve matters. You may also find gentle heat in the form of a hot water bottle or wheat bag on your hips helpful.

Another tip is to avoid sitting with your legs crossed and, while relaxing or watching telly, to ensure you are sitting upright with a small, rolled-up cushion or towel supporting the arch at the bottom of your back. Avoid activities which appear to aggravate the pain, too.


in babycentre.uk


* há uns tempos atrás experimentei isto, mas aumentava-me a dor nas costas... bom, vou tentar outra vez.

34 semanas e 4 dias

Amanhã completamos 8 meses e entramos na recta final.
Agora já é mais difícil dormir, as dores nas ancas estão mais fortes e aparecem com mais frequência. Apesar de termos mudado de posição a dormir (com as alterações para ter lá o berço agora durmo no outro lado da cama) continua a doer-me a anca principalmente do lado direito, serão posturas minhas? do bebé?
Ontem já fizemos a mala, mas foi preciso deixar o necessaire de fora, pelos vistos temos mesmo de ir com duas malitas :)
Ontem também aproveitei o tiago chegar cedo a casa e fomos passear para a praia. Depois do trambolhão do outro dia andava com um bocado de receio de fazer coisas novas sozinha, mas agora que já experimentei com o tiago vou muito mais vezes :)
Continuo a achar que as semanas passam a correr, ainda ontem achava que ainda era terça feira. Espero bem que continuem assim, a passar depressa, porque eu já começo a estar muito farta das dores e das limitações de estar grávida.

grrrrrr.... detesto burocracias!

Pedir baixa quando se está grávida é um processo muito complicado. Parece que ninguém sabe informar do que é necessário fazer e dos documentos necessários. Só mesmo outras grávidas que já tenham passado por isso é que conseguem explicar este processo tão manhoso!
Geralmente entregam-se os papéis na segurança social onde nos dizem que está tudo bem e devemos receber dentro de 20 dias. Um mês mais tarde voltamos lá porque não recebemos nada e outra pessoa já diz que a informação anterior era uma barbaridade e que no minímo levará um mês e meio. Depois de um mês e meio continuamos sem receber nada e se tivermos sorte a segurança social escreve-nos para casa a dizer que faltam os documentos X e Y. Finalmente entregamos os ditos documentos em falta e um mês mais tarde, finalmente recebemos.

Documentos a pedir para uma licença de maternidade por risco clínico:
1. Requerimento de licença de maternidade por risco clínico devidamente preenchido e assinado pela entidade patronal
2. Declaração do médico para a razão da baixa
3. Declaração de um médico do Serviço Nacional de Saúde em como se trata de uma gravidez de risco e indicando a data prevista do parto
4. Certificados de Incapacidade Temporária ao Trabalho, também conhecidos por CIT para todo o período de baixa. Considerando que o primeiro CIT só pode ser passado por um período de 12 dias, preparem-se logo para voltar ao médico e pedir o segundo e subsequentes, sendo que muito provavelmente o médico só passa um CIT de cada vez.

Eu trabalho numa empresa grande, tão grande que têm departamentos para tudo e mais alguma coisa. Departamentos que só atendem o telefone entre as 9h30 e as 12h e só atendem pessoas entre as 13h e as 16h.
Eu tenho de pegar nos papelinhos todos que estão atrás e pedir que sejam assinados pela minha chefia. Depois pego nos papelinhos todos e tenho que os enviar para um departamento que vai inserir os dias em SAP. Só depois dos dias inseridos em SAP posso pedir a outro departamento que me assine o requerimento, para depois ir finalmente entregar os papelinhos todos na Segurança Social. Como o primeiro CIT só tem 12 dias o último departamento desta grande empresa só me assina o papel quando aparecerem inseridos em SAP os dias todos (até à data prevista do parto). Como tal... sem papel não se pode fazer o pedido na segurança social.
Está-me a parecer que já só consigo pedir a baixa ao mesmo tempo que for pedir a licença de maternidade depois do bebé nascer, e nos entretantos não há guito para ninguém!

E para ajudar à festa... já repararam em como 90% dos medicamentos/vitaminas receitados para a gravidez não têm comparticipação? Centrum não tem comparticipação e o IVA é 21%, Neurobion não tem comparticipação mas só pode ser comprado com receita médica e o IVA é 5%, o Magnésio novamente sem comparticipação e IVA a 21%. Com comparticipação só o ácido fólico e o ferro. Isto significa que por mês gastamos só em medicamentos a módica quantia de 65€. Começo a achar que só os ricos podem ter filhos...

O primeiro CTG

Ontem aqui a tontinha, não sabe bem como, mas desiquilibrou-se, tropeçou, escorregou, enfim caiu redonda no chão. Felizmente, e também sem saber como, dei a volta e em vez de cair de barriga, cai de rabo. Não houve sangue, nem perda de líquidos, nem dores e o puto parecia continuar a mexer-se, mas mesmo assim lá fomos nós a correr pró hospital para ver se estava tudo bem. Lá me inspeccionaram o colo do útero (está formado, era o que o médico dizia, considerando o desconforto eu diria que está fechadissimo). Ligaram-me de barriga para cima ao CTG e lá fiquei um bocado mais de meia hora. Tão desconfortável aquilo, estava a ver que nunca mais acabava. O que vai animando é o barulhinho dos cavalos de corrida que é o coração do Gabriel. O Gabriel também não gostou nada do CTG. Os primeiros minutos então era vê-lo a empurrar a sonda com toda a força que tinha. Fazia-me um alto enorme na barriga a empurrar a sonda, a sonda com isto ficava cheia de interferência e eu só me dava vontade de rir, o que provocava ainda mais interferência na sonda.
Enfim... com o CTG tudo bem, depois esperámos mais um bocadinho e fomos fazer uma eco. O médico para variar lá teve que se queixar que o nosso sacaninha não gostava nada dele ;) O importante é que estava tudo bem. Tudo bem com a placenta e tudo bem com o miúdo, que de acordo com o médico tem óptima vitalidade.
Hoje o tiago fica em casa a tomar conta de mim. A ver se a tonta não cai outra vez e para garantir que eu fico em repouso. Estamos em modo vigilância para ver se surge algum problema em função da queda.

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2003
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D