Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Claudia Borralho

A VIDINHA COMO ELA É (e uma mãe que mete a mão em tudo)

Claudia Borralho

A VIDINHA COMO ELA É (e uma mãe que mete a mão em tudo)

Sim, está tudo melhor...

Agora ela está em casa a recuperar. Está a fazer antibiótico para a infecção que foi diagnosticada. Continua com dores mas vai ter que as aguentar. A criança está bem. Foi verificado ontem em Santa Maria. Aqui o eu é que anda muito cansado. Ela depois quando se sentir melhor ela escreve qualquer coisa, até lá aqui o enfermeiro não quer que ela faça esforços desnecessários...

e ainda mais um bocadinho do mesmo

Na continuação da saga, ela acabou por dormir pouco de noite com as dores e ainda vomitou a meio da mesma. Fui trabalhar na mesma, tinha cá o enfermeiro. Mas parece que esta semana não era mesmo suposto eu trabalhar mais. Às 11h30 arranquei do emprego, novamente para as urgências porque ela não consguia segurar nada no estômago e as dores persistiam. Assim que chegamos à sala de espera, foi preciso que todas as pessoas sentadas olhassem para ela durante 30 ou 40 segundos antes de darem um lugar para se sentar a uma pessoa grávida de 4 evidentes meses a chorar de dores. Foi rapidamente chamada como que para provar que ontem foi uma vez sem exemplo. A médica (não foi a mesma que do dia anterior) recomendou o internamento imediato. Colocaram-na logo a soro com analgésico (Acho que era Tramadol) e deram-lhe logo a injecção com antibiótico enquanto esperávamos para ir para um quarto e para que ela fizesse uma ecografia renal. Eu e os pais dela fomo-nos revezando para almoçar (aka comer qualquer porcaria, pelo menos no meu caso) até que lá foi para a eco quando a mãe dela tinha ido almoçar tardiamente. Já tinha tentado ir uma vez para a eco antes mas as dores agonizantes voltaram e foi enviada de volta para ser medicada. Da segunda vez já correu tudo bem. O Resultado da mesma passou por um dos rins ligeiramente dilatado, o que excluía a hipótese de cálculo renal ou parecido. Voltou para cima a tempo de lanchar e já conseguiu comer qualquer coisa no quarto todo xpto que lhe atribuíram. Daí até ao jantar aproveitei para vir a casa ver os gatos, trazer-lhe uma roupinha e mais o "necessaire" ou como raios é que isso se escreve, mais um livro e o imprescindível catálogo da La Redoute. Ainda cheguei a tempo de a ver jantar e até de a ver comer uma sopa com feijão verde. A médica passou por lá a meio da refeição, para a ver após a análise e já sabia da análise do episódio das dores entre tentativas de eco e tudo o resto, mas achou que ela já estava com muito melhor. Em todo o caso ficou em observação o resto da noite, enquanto que o ressonador (entenda-se eu) veio para casa para dar atenção aos gatos e para a deixar dormir descansada. Tratei do meu jantar do dos bichos e quando finalmente me sentei por volta das 00h00 adormeci instantaneamente e só acordei há coisa de 15 minutos certamente para vir escrever este extenso "post". Amanhã de manhã volto para lá para ver se já trago a mãe e o filho de volta para casa com alta... até lá... mais novidades (boas esperemos) as faremos seguir por aqui... sim porque é sempre melhor e mais interessante quando a mãe escreve do que o pai fez neste e no "post" anterior...

A todos obrigado pelos comentários anteriores... até amanhã... vou ver se durmo mais...

Ontem

Ligou-me ela a dizer que estava com dores horríveis num sítio diferente. De lado e atrás. Passado meia-hora voltou a ligar-me porque as dores estavam piores e queria que eu pesquisasse na net a ver se descobria o que poderia ser. Claro que não fiz nada disso. Arrumei as coisas e disse ao meu chefe que ia para casa para a levar para o hospital. O Meu chefe perguntou como é que eu ia para casa e quando soube (Autocarro, barco e autocarro outra vez) disse que me levava lá num instante de carro (ainda há uns chefes porreiros...) cheguei a casa e ela não queria ir ao hospital porque cada vez que se mexia tinha muitas dores, lá a obriguei e caminhamos para o CUF Descobertas. 3 Horas depois somos atendidos pela médica. Ela achou que seria uma infecção urinária alta e mandou fazer uma bateria de exames: Sangue, Urina II e Urina Asséptica se não estou em erro... Ela estava tão nervosa que esteve mei-hora na casa de banho para fazer uma amostra pequenina de urina e ainda foi preciso tirar sangue da mão porque não apanhavam veia nenhuma no braço. Almoçamos e mais 3 horas para os exames chegarem... Toca a tomar antibiótico porque os glóbulos brancos estavam altos. A Urocultura só está pronta lá para sexta para termos a confirmação exacta... e para já fica em casa com o enfermeiro requisitado por mim (O pai dela) porque quando ela está com dores, nem consegue ir à casa de banho...
.

Pág. 1/4

Arquivo

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
  66. 2012
  67. J
  68. F
  69. M
  70. A
  71. M
  72. J
  73. J
  74. A
  75. S
  76. O
  77. N
  78. D
  79. 2011
  80. J
  81. F
  82. M
  83. A
  84. M
  85. J
  86. J
  87. A
  88. S
  89. O
  90. N
  91. D
  92. 2010
  93. J
  94. F
  95. M
  96. A
  97. M
  98. J
  99. J
  100. A
  101. S
  102. O
  103. N
  104. D
  105. 2009
  106. J
  107. F
  108. M
  109. A
  110. M
  111. J
  112. J
  113. A
  114. S
  115. O
  116. N
  117. D
  118. 2008
  119. J
  120. F
  121. M
  122. A
  123. M
  124. J
  125. J
  126. A
  127. S
  128. O
  129. N
  130. D
  131. 2007
  132. J
  133. F
  134. M
  135. A
  136. M
  137. J
  138. J
  139. A
  140. S
  141. O
  142. N
  143. D
  144. 2006
  145. J
  146. F
  147. M
  148. A
  149. M
  150. J
  151. J
  152. A
  153. S
  154. O
  155. N
  156. D
  157. 2005
  158. J
  159. F
  160. M
  161. A
  162. M
  163. J
  164. J
  165. A
  166. S
  167. O
  168. N
  169. D
  170. 2004
  171. J
  172. F
  173. M
  174. A
  175. M
  176. J
  177. J
  178. A
  179. S
  180. O
  181. N
  182. D
  183. 2003
  184. J
  185. F
  186. M
  187. A
  188. M
  189. J
  190. J
  191. A
  192. S
  193. O
  194. N
  195. D